CHINA MONITORA IGREJAS POR CÂMERAS
08/02/2021 15:57 em Palavra de Fé

O relatório da organização internacional Bitter Winter, que atua na defesa da liberdade religiosa na China, apontou que as autoridades do país estão instalando equipamentos de reconhecimento facial dentro de igrejas cristãs.

 

O objetivo é intimidar fiéis e tentar conter o avanço do cristianismo no país, conhecido por perseguir cristãos e marginalizar cultos.

 

Segundo o documento da Bitter Winter, já foram instaladas mais de 200 câmeras em um condado da província de Jiangxi.

 

– As câmeras são feitas e instaladas com a aprovação do Departamento de Segurança Pública. Todas as informações de identidade são armazenadas no sistema de vigilância do Departamento de Segurança Pública assim que as câmeras registram o rosto de alguém – explicou um trabalhador que instalou as câmeras.

 

Ainda segundo ele, trata-se de uma forma de colher informações sobre os chineses monitorados que estariam em uma “lista negra da polícia”.

 

No entanto, a Bitter Winter afirma que, além de colher informações sobre os fiéis, as câmeras conseguiriam monitorar a atividade religiosa no país, uma vez que contam também com microfones e são controladas remotamente.

 

– Duas câmeras foram instaladas em nossa igreja: uma apontada para o pódio e a outra para a congregação. Temos que ser muito cautelosos com o que dizemos na igreja agora – disse um padre católico no relatório.

 

A ONG denuncia ainda que a própria polícia da região de Poyang admitiu a intenção.

 

– O governo instalará câmeras em todas as igrejas do condado e fechará qualquer local que as desobedecer – apontou o relatório.

 

 Fonte: sitepleno

COMENTÁRIOS
App Vivendo em Graça